Blog

Informações e dicas sobre Ciudad Del Este

06
06

Pra que serve o seguro carta verde?

O que é o seguro Carta Verde? É necessário ter habilitado este seguro em meu veículo se eu for fazer uma viagem internacional? Por que a Argentina agora está exigindo este seguro?
Estas são algumas perguntas que vamos responder neste post.
Seguro Carta Verde
A atenção com o seguro Carta Verde precisa ser dada para quem vai ingressar em outros países do Mercosul. Vários turistas, especialmente do Sul do Brasil, que buscam ir até o Paraguai, em Ciudad del Este, utilizam a Argentina como rota.
Este acesso ao país vizinho pode ser justificado em função do caminho ser mais curto, das estradas serem melhores, menos movimentadas e de não haver cobrança de pedágios.
Quem for sair, por exemplo, de Dionísio Cerqueira (SC), cidade que faz fronteira com Bernardo de Irigoyen, na Argentina, pode ir ao Paraguai passando pelas cidades de San Antônio, Comandante Andresito, Wanda e Puerto Iguazu, todas na Argentina. A viagem ao Paraguai, utilizando o interior da Argentina tem a duração de menos de duas horas, num trajeto de cerca de 200km.
Se a pessoa sair de Dionísio Cerqueira e buscar o ingresso no Paraguai pela cidade de Foz do Iguaçu terá que percorrer um trecho de aproximadamente 4h30min, com cerca de 300km. Uma grande diferença de tempo né?
Fonte – Google MapsO que é Carta Verde?
O Seguro Carta Verde é um seguro obrigatório para veículos circularem pelos países do Mercosul (Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai e Venezuela). Se você vai de um país a outro, esse seguro é indispensável. Lembrando que o certificado, um por veículo, deve ser apresentado em Português e Espanhol.
Por que ter a Carta Verde?
Além da obrigatoriedade, com o Seguro Carta Verde, você estará coberto em trânsito internacional. Em caso de acidentes, donos ou condutores de veículos que estejam viajando pelos países vizinhos terão cobertura contra danos materiais e corporais causados a terceiros.
Como eu contrato este seguro?
O seguro Carta Verde pode ser obtido diretamente nas corretoras de seguro dos veículos. A contratação deste seguro geralmente é renovada todos os anos, desde que o proprietário do veículo sinalize pela sua contratação. No Banco do Brasil também é possível contratar o seguro Carta Verde.
E se eu não contratar este seguro?
O seguro Carta Verde é obrigatório no Mercosul. Sem ele, o veículo poderá ser impedido de circular pelo país vizinho. No caso de você tentar ingressar na Argentina para ir ao Paraguai, por exemplo, sem a Carta Verde o veículo e os passageiros podem ser impedidos de prosseguirem na entrada do país, logo na Aduana.
O que o seguro Carta Verde não cobre?
Algumas situações o Seguro Carta Verde não cobre. Tais como: Embriaguez do condutor ou se ele estiver sob o efeito de qualquer droga ilícita; Condutor sem habilitação válida; Veículo em poder de terceiros (furto ou roubo); Veículo com apropriação indébita; Veículo que estiver disputando “rachas”; entre outras, de qualquer acidente ocasionado pela inobservância das disposições legais.
Quem tem direito a indenização pelo Carta Verde?
Quaisquer terceiros que sofram danos causados pelo veículo segurado. Carta Verde passa a ser exigida para turistas entrarem na Argentina Uma medida que pegou muitos motoristas de surpresa foi registrada no último dia 7 de dezembro de 2017. Vários turistas que buscavam entrar na Argentina foram surpreendidos nas aduanas de passageiros pela exigência do Seguro Carta Verde.
A fiscalização na aduana de Puerto Iguazú, cidade que faz fronteira com Foz do Iguaçu (Brasil) e Ciudad del Este (Paraguai) gerou longas filas, com espera de aproximadamente uma hora de brasileiros que precisavam entrar ou sair da Argentina para acessar o Paraguai, destino bastante procurado quando o assunto é compras mais em conta.
Conforme as informações, os motoristas que não possuíam o seguro Carta Verde contratado em seus veículos eram orientados a retornar para o Brasil. Este fato acabou exaltando alguns motoristas, gerou demora e filas no acesso ao país vizinho.
O diretor-geral do Departamento de Turismo de Misiones, Ivan Pedra Bueno, confirmou que a exigência está sendo feita pelo órgão de fiscalização de transporte e trânsito da Argentina, a CNRT. Esta exigência foi enviada de Buenos Aires para a operação na fronteira da Argentina com o Paraguai e o Brasil.
De acordo com Fernando Mariniche, superintendente do Instituto de Transportes e Trânsito de Foz do Iguaçu (Foztrans), a exigência do seguro internacional é legal em todos os países do Mercosul. “No Paraguai não é tão corriqueira e por isso a gente acaba se desacostumando. Quando se dirigir ao um país vizinho deve-se fazer a carta-verde para evitar algum constrangimento”, disse. Conforme Mariniche, para veículos de turismo a exigência é a carta-azul, que é um seguro pessoal para o passageiro.